terça-feira, 14 de agosto de 2007

Fala Renan!


Afonso Vieira

A quantas andam as investigações que pesam sobre o Presidente do Senado? Pois é, é uma pergunta a que todos os cidadãos devem buscar as devidas respostas. Até agora, as coisas ficam a cada dia mais complicadas para o alagoense, mas não é este o assunto que venho tratar neste artigo e sim, das informações que ele possui sobre os demais políticos.

Muito foi dito sobre a montagem de um possível dossiê contra seus detratores, ele mesmo já ameaçou alguns de forma direta e ao vivo pela Tv Senado. A canalhice suprema ganha formas e vulto na política brasileira.

O que ele sabe a ponto de não renunciar ou mesmo se afastar do cargo? Será que possui algo tão bombástico que possa desestruturar de vez a nossa já combalida república de bananas?

Olhem o nível a que chegamos, o presidente de uma das mais importantes instituições do país ameaçando seus pares para se salvar do calvário. Quando pessoas mais ácidas criticam e mexem nas feridas brasileiras, são duramente criticadas pelos nacionalistas e ufanistas de plantão, mas será que elas estão mesmo erradas? Sou uma pessoa que cultua os valores cívicos, que ama seu país, mas cada vez eu fico mais descrente em nossas instituições. Não vislumbro sequer um representante político confiável nos que estão disponíveis.

Primeiramente, se Renan sabe algo de podre de seus colegas de casa e não diz, está compactuando com o ilícito; segundo, para alguém que preside o Senado da República, este comportamento é no mínimo incompatível com a magnitude do cargo; terceiro, partir para o ataque antes de justificar suas falcatruas, só está comprovando que não possui defesa contundente sobre as denúncias que lhe assombram.

Como qualquer cidadão honesto e que possua vergonha na cara, eu engrosso o coro dos que querem que as denúncias atuais - e todas as que possam vir a surgir - sejam investigadas até a exaustão. Se para que Renan caia e seja punido por seus atos for preciso derrubar meio parlamento, que assim seja. Chega de vermos bandidos sendo beneficiados por decisões ridículas.

Até hoje estou esperando o partido da “ética e da moral” - que há alguns anos pedia a cabeça de qualquer rato por coisa muito menos importante - se manifestar. Cadê os militontos que gritavam o “Fora FHC” e “Fora FMI” todos os dias? Até agora, só tenho visto eles se pronunciarem para defender ou relativizar sobre os fatos.

Volto a bater na tecla de que temos que renovar todas as casas legislativas do país. Tirando as poucas e raríssimas exceções, qualquer um merece mais respeito que a corja que hoje ocupa nosso Senado/Câmara dos Deputados.

E não venha o cara-de-pau do Senador Almeida Lima enviar e-mails querendo justificar o injustificável. Quem defende bandidos e corruptos, também o é. Ninguém é mago das finanças que possa multiplicar o patrimônio tão rapidamente, vendendo produtos por valores muito superiores ao praticado pelo mercado. Se essa conversa fiada cola para alguém, para mim, não.

Torço para que apertem mais ainda Renan Calheiros, que esmiúcem suas contas até o último centavo, quem sabe assim ele fala tudo o que sabe.

Fala Renan, fala que nós queremos ouvir!

Publicado http://www.portalgrito.com.br/arquivol/arquivol.php?id=55


De: Afonso Vieira (afonsohjv@hotmail.com)
Enviados: quarta-feira, 15 de agosto de 2007 4:35:49
Para: almeida.lima@senador.gov.br; arthur.virgilio@senador.gov.br; augusto.botelho@senador.gov.br; cristovam@senador.gov.br; delcidio.amaral@senador.gov.br; demostenes.torres@senador.gov.br; dep.antoniocarlosbiffi@camara.gov.br; dep.chicoalencar@camara.gov.br; dep.fernandogabeira@camara.gov.br; dep.jairbolsonaro@camara.gov.br; dep.nelsontrad@camara.gov.br; dep.onyxlorenzoni@camara.gov.br; dep.rodrigomaia@camara.gov.br; ecafeteira@senador.gov.br; eduardo.suplicy@senador.gov.br; gerson.camata@senador.gov.br; gilvamborges@senador.gov.br; heraclito.fortes@senador.gov.br; ideli.salvatti@senadora.gov.br; jefperes@senador.gov.br; joaopedro@senador.gov.br; jonaspinheiro@senador.gov.br; jose.maranhao@senador.gov.br; marconi.perillo@senador.gov.br; maria.carmo@senadora.gov.br; marisa.serrano@senadora.gov.br; renatoc@senador.gov.br; romero.juca@senador.gov.br; romeu.tuma@senador.gov.br; sergio.guerra@senador.gov.br; siba@senador.gov.br; simon@senador.gov.br; valdir.raupp@senador.gov.br; valterpereira@senador.gov.br

Um comentário:

edademaman disse...

Realmente é constrangedor o rumo que as coisas tomaram... Até agora conseguiram empurrar a vergonha com a barriga;escondidos pelas manchetes do PAN e do trágico acidente da Gol , essa turma de imorais conseguiu respirar aliviada por aproximadamente 5 semanas... É hora de pressionar o Senado exigindo daquela casa posicionamento ético e moral... Será que não sobrou sequer um político que esteja limpo? Algum dia os podres deverão aparecer!!!