domingo, 21 de outubro de 2007

Meus amigos socialistas

Afonso Vieira

Em recente artigo, expus minha visão sobre a realidade do nosso sistema econômico e social; para minha felicidade, um grande amigo visitou meu blog e colocou sua posição - contrária à minha. Devido a alguns acontecimentos que presenciei esta semana, escrevo o presente texto.

Como freqüentador assíduo de debates na Internet, me chama a atenção uma certa intolerância praticada pelos debatedores. Até mesmo os chamados “liberais” – que deveriam defender a liberdade acima de tudo - portam-se de forma autoritária.

Costumo dizer que um debate permeado por argumentos bem embasados, não possui vencedores, e sim aprendizes. Dificilmente mudaremos a opinião de alguém que realmente acredita no que defende, também podemos aprimorar nosso conhecimento - mas raramente alteraremos completamente o próprio juízo.

Ambientes virtuais sofrem a imposição das regras de seus moderadores, e estes deveriam prezar pela pluralidade de idéias. Na comunidade do orkut, Apoiamos o Presidente Lula PT, qualquer opinião contrária ou contestatória ao chefe da nação, já é excluída e o postulante expulso; o curioso é que na descrição da comunidade consta: “democracia e liberdade com responsabilidade” – acredito que eles tenham um conceito distorcido dessas palavras. Isso não é particularidade daquele fórum, é prática corriqueira em diversos locais.

Chego a pensar como devem ser essas pessoas na vida real, será que se portam com tamanho fanatismo? Oras, sem o contraditório, dificilmente chegaremos a uma opinião que mereça respeito. Até mesmo nas democracias mais desenvolvidas, há o papel primordial de uma oposição forte, exatamente para contestar certos atos e chegar a um resultado que agrade a todos.

Tenho amigos socialistas, comunistas, liberais, conservadores e de todo tipo que possamos encontrar, não é por causa de sua visão política que irei tratá-lo melhor ou pior.

Alguns blogs deixam claras suas posições, que irão censurar comentários ofensivos ou com o qual não concordam; neste ponto entra Reinaldo Azevedo - onde jamais tive qualquer colocação recusada. No fórum de Paulo Henrique Amorim, minhas únicas duas colocações não foram ao ar, e posso afirmar que não continham nada de ofensivo, apenas mostrava que ele estava errado em seu texto. Um blog bem democrático é o de Luis Nassif, apesar de não concordar com a maioria do que ali é postado, a pluralidade de idéias é respeitada a contento.

Ao preservarmos opiniões divergentes - evitando o proselitismo e deixando o pensamento fluir - chegamos a um aprimoramento saudável; é mais ou menos como exercitar nossa meditação diária, no nosso cotidiano - onde convivemos com pessoas de credos, cores, classes sociais diferentes, e podemos ter a certeza de que aprendemos sempre, até mesmo com o menos erudito dos seres.

Espero que cada vez mais eu tenha encontros com opositores de idéias; pode ter certeza que o calor do debate é facilmente refrescado com a cerveja do bar, onde daremos risadas e faremos piadas, cada qual com sua visão, sem ofensas e com a certeza de que só temos a ganhar.

“Desaprovo o que você diz, mas defenderei até a morte seu direito de dizê-lo” - Evelyn Hall.

http://www.portalgrito.com.br/arquivol/arquivol.php?id=62

3 comentários:

Claudya disse...

Afonso,

Você é um líder nato, um excelente moderador e, acima de tudo, um democrata.
Parabéns pelo texto. Exprime, exatamente, o que penso também.

guto disse...

Um probleminha com "nossos" socialistas é q eles nem sabem o q é socialismo direito.

Não tem noção nem de social-democracia. Acham q o socialismo é quando os proletários assumem o poder, mas não sabem se o conrole dos meios de produçao seriam através do Estado ou através de sistemas comunais.

São muito mal informados. Tem que ser avisados q existem cooperativas de trabalhadores. É dificil dar completamente certo, mas é possível e sem fazer revoluçao nem luta ideológica, apenas trabalho sério e competente.

Me desculpem os esquerdistas, mas creio que o esquerdista é antes de tudo um ignorante.

guto disse...

Corrigindo:

"...mas não sabem se o conrole dos meios de produçao seriam através do Estado... " = ...mas não sabem se o controle dos meios de produçao seria através do Estado...